Luz natural e luz artificial na fotografia de arquitetura

Qual é a importância da luz na fotografia de arquitetura?

A luz é uma das coisas mais importantes na fotografia de arquitetura. Ela é capaz de mudar completamente nossa percepção do espaço, das cores e das sensações que uma foto transmite. E afinal, qual seria o melhor tipo de iluminação para a fotografia de arquitetura, a luz natural ou a luz artificial? Acompanhe abaixo para descobrir a resposta!

A luz do sol é a que apresenta o melhor Índice de Reprodução de Cores (IRC), cujo valor de 0 a 100 representa o quanto determinada luz permite visualizar cores com precisão. Além disso a luz natural apresenta outros benefícios, já que ela se distribui de forma mais difusa e homogênea pelo ambiente, sem criar pontos de distração ou alterar a cor de objetos e adornos, o que distrai a atenção do observador para o projeto em si.

Fotografia de arquitetura com luz natural
Foto para Plano Livre Arquitetura. ©Ivan Araújo

Para fotos de interiores, a luz proveniente de uma abertura projeta sombras mais suaves do que as geradas por spots ou luminárias, onde geralmente observamos contornos bem definidos ou sombras múltiplas, dependendo do modelo especificado.

Posso usar a luz artificial nas fotografias de arquitetura?

A luz artificial, contudo, pode ser essencial para alguns tipos de projeto, realçando revestimentos, painéis ou outras soluções do projeto que poderiam ficar menos evidentes sem sua presença. Nestes casos, o bom fotógrafo de arquitetura é capaz de conciliar as duas condições de luz, escolhendo os melhores ângulos e composições para valorizar o projeto.

Fotografia de arquitetura com luz natural e artificial
Fotos para Sumisura. ©Ivan Araújo

Se o seu projeto necessita da luz artificial, o ideal durante a sessão fotográfica é a moderação. Neste sentido, escolha algumas lâmpadas principais ao invés de deixar todas acessas ao mesmo tempo. Com isso evita-se também de deixar a imagem “poluída”, com ruídos ou muita informação. E uma dica: durante a sessão não misture duas ou mais luzes com temperaturas de cor diferentes no mesmo ambiente.

Por fim, a luz natural também é a preferência de várias publicações especializadas no assunto, como a Revista Casa Vogue. Por lá, apenas fotos de arquitetura que atendam a este quesito são publicadas.

E você, já parou para pensar nas estratégias que usa nas suas fotografias de arquitetura e como quer divulgar seu projeto? Conte comigo para te auxiliar a produzir os melhores conteúdos e fotografias de arquitetura do seu projeto!